7 de fevereiro de 2018
(86) 99577-9242
portaldodelta.redacao@gmail.com
Logo do Portal do Delta
Publicidade

Postado por Delta em 07/fev/2018

Defensoria Pública alerta para problemas no sistema carcerário desde 2015

mulheres-presas

Os defensores Públicos das Defensorias de Execução Penal do Piauí pediram a interdição parcial da Penitenciária Feminina de Teresina. Segundo a Defensoria Pública do Estado, antes da decisão ser tomada foram enviados, à Secretaria de Justiça, ofícios assinados pela Defensora Pública da 2ª Defensoria Pública de Execução Penal, Irani Albuquerque., na pessoa do Secretário Daniel Oliveira Valente, relatando a situação em que se encontravam as detentas do regime aberto e semiaberto.

Na nota de esclarecimento da Defensoria está explicitado que desde 2015 o órgão vem se reportando à Secretaria de Justiça do Estado a respeito das condições presídios, a exemplo do que ocorreu com a própria Penitenciária Feminina, mas que o esclarecimento emitido pela Administração Superior da Secretaria de Estado da Justiça, não se reporta ao problema identificado dentro do sistema prisional do Piauí, que se encontra superlotado e carecendo de uma ação mais pontual, no sentido de evitar que novos motins e rebeliões ocorram, como as registradas em 2017 nas Penitenciárias de Esperantina e Vereda Grande em Floriano.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!