16 de maio de 2018
(86) 99577-9242
portaldodelta.redacao@gmail.com
Logo do Portal do Delta
Publicidade

Postado por Delta em 16/Maio/2018

Luciano Nunes afirma que Wellington Dias assumiu a vanguarda das privatizações no Piauí

O deputado estadual Luciano Nunes questionou hoje, em sessão na Assembleia Legislativa do Piauí, o requerimento do deputado estadual Francisco Limma que solicitava a votação, em regime de urgência, da matéria de privatização do Ginásio Verdão. De acordo com Luciano Nunes, o governador Wellington Dias assumiu a vanguarda das privatizações no Estado do Piauí.

Segundo Luciano, o Governo tem que ter coragem para assumir suas bandeiras e mudanças de pensamento do seu partido, já que agora é a favor das privatizações e privatizou pelo Governo Federal os aeroportos do Brasil todo, os estádios bilionários da copa do mundo.  “Aqui no Piauí, o governador Wellington Dias quer privatizar o Ginásio Verdão, terrenos da Agespisa. Então, tem que assumir com coragem, falando olho no olho, dizer que o Governo do PT está privatizando sim porque mudou de pensamento”, disse o parlamentar.

Luciano afirmou ainda que Wellington Dias partiu na vanguarda aqui no Piauí como o governo das privatizações, pois privatizou a Ceasa, privatizou a Agespisa e agora quer privatizar o Ginásio  Verdão.

Deputado Luciano Nunes (PSDB) no plenário da Assembleia (Foto: Reprodução)

“Estamos aqui defendendo é que nós estamos tratando de patrimônio público e esses projetos tem que ser debatidos em exaustão, temos que chamar a sociedade piauiense para discutir essas propostas que estão tramitando aqui na Assembleia. O mais grave não é o mérito do projeto de querer privatizar e vender o patrimônio público. A questão é se fazer isso a toca de caixa, às vésperas da eleição, o país pegando fogo por denúncias de corrupção, de norte a sul,  e o governador  Wellington Dias querendo vender o patrimônio público, promover vendas de terras e do verdão às vésperas de eleição com requerimento do deputado Limma”, destacou Luciano Nunes.

OitoMeia

0 Comentários

Deixe o seu comentário!