18 de junho de 2020
(86) 99577-9242
portaldodelta.redacao@gmail.com
Logo do Portal do Delta
Publicidade

Postado por Delta em 18/jun/2020

Prefeitura de Parnaíba esclarece sobre comentários desrespeitosos com profissionais das UBS’s e o trabalho do Hospital de Campanha Nossa Senhora de Fátima

Em vídeo, a ex-servidora em cargo comissionado da Prefeitura de Parnaíba, Celina Olivindo, que ocupava a coordenação da Guarda Patrimonial do município, relata que encontrou dificuldade para conseguir internação no Hospital de Campanha de Parnaíba, Nossa Senhora de Fátima. A Prefeitura de Parnaíba esclarece o Hospital de Campanha Nossa Senhora de Fátima foi reformado e estruturado pelo Prefeito Francisco de Assis Moraes Souza, Mão Santa, para receber pacientes com casos confirmados Covid-19, mediante encaminhamento médico ou referenciado por hospitais da região. O centro de saúde parnaibano só realiza atendimento para casos Covid-19, não fazendo acolhimento de pessoas com outras enfermidades, como ocorre em Pronto Socorro ou os demais hospitais, que realizam os chamados atendimentos ‘porta aberta’.

A direção do Hospital de Campanha de Parnaíba esclarece, também, que os exames (testes rápidos) e swabs são feitos durante toda a semana no ambulatório do hospital, mediante encaminhamento medico de UBS ou Pronto Socorro, que realiza a triagem de cada paciente diante de sua situação clínica. São realizados, em média, de 60 a 80 exames por dia, incluindo prioridades e profissionais de saúde e segurança. O exame swab tem que ser agendado.

Para realizar atendimento ou internação de casos Covid-19, o paciente precisa ser encaminhado pela UBS, Pronto Socorro ou hospital de referência na região. No vídeo, a ex-servidora da Prefeitura de Parnaíba disse que ‘a gente chega nas Unidades de Saúde e nós somos tratados como leprosos’. A fala da ex-servidora foi infeliz, carregada de preconceito, não condiz com a realidade e ainda é bastante desrespeitosa com os servidores das UBS’s: médicos, enfermeiros, técnicos e demais trabalhadores, que, com dedicação e muito empenho, se doam no atendimento à população, nas mais diferentes regiões do município. Nenhum servidor da Prefeitura de Parnaíba, seja nas UBS’s, no Pronto Socorro ou qualquer outro órgão municipal, trata qualquer cidadão(ã) parnaibano(a) como leproso(a). A ex-servidora da Prefeitura de Parnaíba também disse que só existem dois dias de testes rápidos (Covid-19) no Hospital de Campanha, nos dias de terça e quinta-feira. A informação é inverídica, pois o atendimento para testes rápidos ocorre de segunda a sexta-feira, nos turnos manhã e tarde.

Por motivos que a Prefeitura de Parnaíba desconhece, a ex-servidora insinua, de forma leviana e sem conhecimento da verdade, que o Prefeito Francisco de Assis Moraes Souza, Mão Santa, não está interessado ou empenhado em realizar ações de enfrentamento à Covid-19 no município. A verdade é que Prefeito Mão Santa fez a reforma e estruturação do Hospital de Campanha, com 10 leitos de UTI, 20 leitos de enfermarias, salas de estabilização, ambulatório e clínica médica. O Prefeito Mão Santa também determinou a realização de mutirão de testagem em bairros da cidade, sendo que já foram feitos centenas de exames, e os casos positivos da doença foram rapidamente encaminhados para tratamento domiciliar, com recebimento de medicação e apoio clínico, psicológico e de assistência social, quando necessário. E caso a ex-servidora tenha alguma dúvida sobre o trabalho no Hospital de Campanha Nossa Senhora de Fátima ou sobre as ações da Prefeitura de Parnaíba no enfrentamento à Covid-19, que entre em contato com a direção do centro de saúde ou com a assessoria do Prefeito Mão Santa.

A Prefeitura de Parnaíba esclarece, ainda, que o Prefeito Mão Santa cumpre a decisão judicial que anulou o decreto municipal de reabertura do comércio, mas defende os cuidados com a vida e a fundamental valorização do trabalho, como a forma mais digna para todo cidadão parnaibano obter seu sustento e de suas famílias, adotando as medidas de prevenção e segurança

Facebook Ribamar Aragão

0 Comentários

Deixe o seu comentário!